new stranger things

Olar!

Eu já falei num post anterior que amo frio e tal, mas mais alguém fica bem mais preguiçoso quando ele chega?

Ok, esse foi num nível capeta master, e eu fiquei a semana toda me preparando psicologicamente 20 minutos antes de fazer qualquer coisa de casa que envolviam água – tomar banho, lavar a louça, fazer a skincare. Inclusive, eu pulei 2 dias da rotina noturna porque cometi o erro de deitar na cama e me embrulhar nos 20 cobertores logo depois de escovar os dentes pra “me esquentar“. E aí claro que eu sairia de lá depois, né?

 

… SÓ QUE NÃO

Bom, agora que o frio deu uma trégua, voltamos mais ou menos à programação normal. Eu ainda tô acordando mais tarde e sinto uma lagriminha escorrer antes de ir pro curso à noite, mas tirando isso, tá tudo bem.

Agora, sobre o assunto de hoje: vocês também sentem muito tédio em alguns momentos da vida?

Tipo, de não ter nenhuma série ou livro ou filme legal pra acompanhar? E ao mesmo tempo, você também não tem vontade de assistir nada do que te recomendam, ou você até tenta, mas nada te dá aquele suuuuper ânimo? Sabem do que eu tô falando?

Eu tô assim agora.

Quando eu era mais nova eu costumava brincar que pulava de um vício pra outro (HAHAHAHA), porque eu assistia muito anime na época e quando uma temporada acabava, ou eu começava a ler o mangá até enjoar ou então até achar alguma outra coisa que fisgasse a minha atenção.

E eu faço isso com tudo. Com séries. Com desenho (só Deus sabe como eu sofri na época em que Young Justice tava no auge e o Cartoon Network teve a audácia de cancelar). Com livros, com qualquer coisa do gênero.

O problema é que meu cérebro só funciona de dois jeitos:

E aí eu não consigo só começar a ver qualquer coisa só pra ver, sabe?

Quer dizer, pelo menos não até hoje. Eu sempre fui de ficar avaliando e vendo várias reviews antes de começar a assistir alguma coisa, mas decidi desencanar disso. Tive algumas experiências recentes que foram bem positivas – como Haikyuu, que eu comecei a assistir só porque gostei da trilha sonora e acabei pegando amor nos meninos (e eu nem sou a maior fã de vôlei, haha).

Ok, eu também tomei na cara algumas vezes, como quando fui ver Aldnoah:Zero e brochei na hora que vi que era de mecha (aqueles robôs gigantes). EU ODEIO ANIME DE MECHA.

Fora a vez que eu tentei ver Black Clover, e olha, pareceu até legalzinho, mas a voz do protagonista é insuportável. O maldito fala igualzinho à Stacy de Girls in The House, SÓ QUE GRITANDO. Olha que desgraça. Eu assistia o negócio pra ficar em paz e só ficava mais estressada.

Mas, enquanto ainda não emplacamos o próximo mozão cultural, vou fazer uma listinha aqui das coisas que vou tentar acompanhar pra ver o que acontece (e pra eu não me perder também):

  • Série:
  • Anime:
  • Podcast:
  • Livro:

Listas fazem eu me sentir mais produtiva. Com vocês é assim também?

Bom, agora vamos curtir um pouco. Mas sem dormir tarde, hein. Amanhã já é segunda de novo, gente, bora pra labuta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s